TEL AVIV EM 4 HORAS – EPISÓDIO #2 SÉRIE ROTEIROS

telavivIsrael não é um país que tenha tradição cervejeira. O consumo de álcool é inclusive um dos mais baixos entre os países da OCDE. E Mesmo na contemporânea e ocidental Tel Aviv, com seu famosa vida noturna e clima mediterrâneo, o que se bebe normalmente é vinho ou drinks. A cerveja, especialmente a artesanal, está mesmo em segundo plano. Mas isso não significa que não se possa beber boas e interessantes  artesanais por lá. Vamos a elas.

O ROTEIRO
Tudo em Tel Aviv começa e termina em suas praias. Além de belíssimas com suas águas mediterrâneas azul turquesa e areias claras, possuem invejável infra estrutura com quiosques, chuveiros, banheiros e bares. E muita gente bonita.
Vou colocar como ponto de partida então a praia de Allenby. Bem central e conhecida tendo como ponto de referência o Tel Aviv Medical Center. Eu fiz o roteiro todo a pé mas o clima mediterrâneo pode te fazer suar um pouco. Depende do ânimo.

PARADA 1 – BEER BAZAAR (Carmel Market Center – HaCarmel St 11)
beerbazaarA primeira parada é uma minúscula loja dentro do Carmel Market Center, um daqueles típicos mercados populares do Oriente Médio. Vale a visita. Do ponto de partida  até lá são apenas 1.200 metros.  Escondido em uma de suas esquinas está o Beer Bazaar. É bem simples: um barraca de feira com balcão para degustações e duas torneiras on tap. Apesar da boa variedade de rótulos não perca muito tempo aqui. O trajeto é longo e só coloquei aqui por estar dentro do Carmel Market.

PARADA 2 – BEER MARKET TLV (Sarona Market -Kalman Magen St., 3)
535099_997254390337596_7417041093928739438_nSegunda parada é também a mais interessante. Fica dentro de um centro gastronômico chamado Sarona Market. Do Carmel até lá são pouco mais de 2 quilômetros. É uma caminhada tranquila mas se você preferir ir de ônibus deve voltar em direção à praia e até a primeira paralela antes e pegar o ônibus 63 até a a parada Hashuk Hashitona’i. Eu particularmente não recomendo.  Na minha opinião se estiver muito sol pegue um táxi. Mas cuidado: os taxistas de Tel-Aviv não são 100% confiáveis. Combine o preço antes.
O Beer Market é um misto de loja com pub. No tap são 6 cervejas israelenses além da melhor e maior variedade de cervejas locais. Aqui é o lugar para encontrar alguma raridade para trazer na mala.
Ah o Sarona Market é o melhor lugar do roteiro para comer: são 91 restaurantes com comidas do mundo todo. Recomendo o Homus do Ali Caravan-Abu Hassan, o melhor da cidade. Homus o prato típico de Israel e motivo de disputa com seus vizinhos árabes pela primazia da invenção.

PARADA 3 – DANCING CAMEL PUB (Ha-Ta’Asiya, 12)
dancingcamelSaindo do Beer Market basta andar 750 metros e já estamos no Dancin Camel. O pub oferece apenas cervejas próprias. Ao chegar lá passe logo para a segunda sala onde mesas altas e comunitárias dão o tom. O ambiente lá é muito bacana. Não espere por nada espetacular apenas boas cervejas. Para voltar para o ponto de partida o melhor é pegar um táxi. Novamente não esqueça de combinar o preço.

Em linhas gerais Tel Aviv não é mesmo a meca da cerveja artesanal. Mas dá para se virar. Não é também uma cidade barata, longe disso. Prepara-se para gastar bem. O transporte público também não é tão fácil especialmente porque muitas coisas estão escritas apenas em hebraico. Mas tem uma vida noturna muito agitada e um povo extremamente cordial. 100% das pessoas falam inglês o que facilita tudo.  E por favor, não perca o por do sol nas praias de Tel Aviv. É sensacional!
Importante: não esqueça que em Israel durante o Shabatt (do anoitecer de sexta ao anoitecer de sábado) quase nada funciona. Se estiver lá no sábado, aproveite a praia.

FATOS SOBRE TEL AVIV
PAÍS: ISRAEL
LÍNGUA: INGLÊS/HEBRAICO
MOEDA: NEW SHEKEL
PREÇO MÉDIO DO PINT DE LAGER: US$ 8,00 (pintprince.com)
SEGURANÇA: SEGURO
MAPA: CLIQUE AQUI

Recent Posts

Leave a Comment