Barba Roja Trigueña – 2,2

O estilo weissbier, também conhecido como weizenbier ou hefe-weiss, é um dos mais emblemáticos estilos da escola alemã. Produzidas com malte de trigo têm como características principais sensações provenientes do trabalho das leveduras: os ésteres frutados que remetem especialmente à banana e os fenóis que remetem à cravo e pimenta. Apesar de ser um estilo aparentemente simples, eu só provei boas weissbiers na Bavária. Todas as outras que provei, sem exceção, não chegam nem aos pés das bávaras. É como se esses alemães tivessem algum segredo especial. Lá pode se tomar qualquer weiss, de pequenas ou grandes cervejarias, serão sempre classe A. Por aqui, ou em qualquer lugar do mundo, é o inverso. E se aplica à essa Trigueña que infelizmente, é a pior da linha da Barba Roja.

País: Argentina
Estilo: Weissbier
Quando beber: nops
Harmonização: nops

Barba Roja de Anapa
Fundada em 2001 na cidade de Escobar, região metropolitana de Buenos Aires, é uma empresa familiar que produz brands diferentes e inusitados. A Barba Roja produz ao todo 12 estilos, dos tradicionais à cervejas com adição de frutas e ervas. A sede da cervejaria vale uma visita, pois além de cervejaria é um centro de entretenimento com atividades que vão de jogos à gastronomia.
Avaliação  
Vertida apresentou um coloração dourada clara, levemente turva e com um creme branco de média formação e baixa persistência.
Aroma fraquinho e adocicado com notas de mel e trigo cereal.
Sabor também adocicado, com malte branco e mel, que permanece até o final. Aftertaste melado e enjoativo.
Corpo médio e alta carbonatação.
Decepcionou bastante estando totalmente fora do estilo.
www.barbaroja.com.ar

Recommended Posts

Leave a Comment